TCE-AM registra 12 mil inscrições para o concurso público para oferta imediata de 40 vagas

TCE-AM registra 12 mil inscrições para o concurso público para oferta imediata de 40 vagas

Faltando menos de um mês para o encerramento das inscrições do concurso público, o Tribunal de Contas de Contas do Amazonas (TCE-AM) registrou, até a manhã desta quarta-feira (2), 12 mil inscrições para as provas que acontecerão nos dias 18 e 25 de agosto. 

Deste número, 4 mil inscritos já efetuaram o pagamento, restando ainda 8 mil finalizarem processo. As inscrições para o certame estão abertas até o dia 22 de junho e são feitas, exclusivamente, pelo site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), organizadora do certame.

“Esperamos que os inscritos finalizem suas inscrições para garantir a participação no concurso. Acreditamos que mais pessoas façam inscrições até o fim do prazo estipulado. Hoje o Tribunal tem um déficit alto de servidores e com esse concurso público iremos recompor parte do quadro funcional”, afirmou o presidente da Corte de Contas, conselheiro Mario de Mello.

As inscrições para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo na área de Auditoria de Obras Públicas e de Auditoria de Tecnologia da Informação estão abertas desde 21 de maio de 2021 e encerram no dia 22 de junho deste ano, já para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo na área Auditoria Governamental e para o Ministério Público de Contas as inscrições iniciam no dia 24 de maio até 22 de junho deste ano, exclusivamente no site da FGV.

O concurso público é para o provimento imediato de 40 vagas para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo para as áreas de Auditoria Governamental, Auditoria de Obras Públicas, Auditoria de Tecnologia da Informação, e vagas no Ministério Público de Contas, com vencimento de R$ 8.328,77, além de benefícios.

Requisitos

Para a área de Auditoria Governamental, o candidato deve ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Para a área de Auditoria de Obras Públicas, o candidato deve ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer das áreas de formação da Engenharia ou Arquitetura, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Para a área de Auditoria de Tecnologia da Informação, o candidato deve ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em tecnologia da informação, em todas as suas acepções, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Já para o Ministério Público de Contas, o candidato deve ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Provas

No dia 18 de agosto de 8h às 11h serão realizadas as provas para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo na área de Auditoria Governamental e das 14h às 17h para a área de Ministério Público de Contas. A prova será composta por 80 questões, sendo 30 questões de Conhecimentos Básico e 50 questões de Conhecimentos Específicos. Todas as questões terão cinco alternativas.

As provas discursivas serão realizadas em 25 de agosto de 8h às 11h para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo na área de Auditoria Governamental e das 14h às 17h para a área de Ministério Público de Contas.

A Prova Escrita Discursiva será composta de duas questões de qualquer tipo, formuladas pela respectiva FGV, podendo abranger quesitos objetivos, problemas, dissertações, pareceres ou peças processuais, bem como questões do tipo misto.  As questões da Prova Escrita Discursiva poderão envolver as seguintes disciplinas: Controle Externo, Administração Financeira e Orçamentária, Auditoria e Controle da Administração, Direito Constitucional e Direito Administrativo e Transparência da Administração Pública.

Já para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo nas áreas de Auditoria de Obras Públicas e Auditoria de Tecnologia da Informação, a Prova Escrita Objetiva será realizada, em dois dias, 18 de agosto de 2021 e 25 de agosto de 2021, das 14h às 17h para as áreas de Auditoria de Tecnologia da Informação e Auditoria de Obras Públicas.

Serão 120 questões, sendo 60 questões de Conhecimentos Básicos aplicadas no primeiro dia de prova e 60 questões de Conhecimentos Específicos aplicadas no segundo dia de prova. Todas as questões terão cinco alternativas.

Texto: Giovanna Andrade  Edição: Elvis Chaves/Camila Carvalho

Leia mais

TJAM diz que ordem judicial para retirada de matéria de site é censura prévia

Ao examinar e julgar autos de recurso de agravo de instrumento interposto por Revista Cenarium contra decisão interlocutória da 12ª. Vara Cível de Manaus,...

Paternidade não pode ser rescindida por falta de intimação pessoal para audiência em Manaus

Na ação Rescisória proposta por R.C.R contra Mirela Brito Reis e Milena de Souza Brito, nos autos de processo 4007638-33.2020, julgou-se improcedentes os pedidos...

Mais Lidas

Justiça do Amazonas garante o direito de mulher permanecer com o nome de casada após divórcio

O desembargador Flávio Humberto Pascarelli, da 3ª Câmara Cível...

Professora de Manaus ganha direito a indenização por contrato temporário que excede prazo de 2 anos

Nos autos do processo nº 0665343-39.2019.8.04.0001 que tramitou na...

Gratificação de motorista de viatura Militar no Amazonas se aplica ao soldo, decide Tribunal

Nos autos do processo nº 0244691-47.2011, em julgamento de...

Últimas

MPAM discute com SSP e Seai o combate ao crime organizado no Amazonas

Na tarde do dia 14/10, o Ministério Público do Amazonas (MPAM) participou de reunião de trabalho com o Secretário...

TJAM diz que ordem judicial para retirada de matéria de site é censura prévia

Ao examinar e julgar autos de recurso de agravo de instrumento interposto por Revista Cenarium contra decisão interlocutória da...

Paternidade não pode ser rescindida por falta de intimação pessoal para audiência em Manaus

Na ação Rescisória proposta por R.C.R contra Mirela Brito Reis e Milena de Souza Brito, nos autos de processo...

Promessa de compra e venda de imóvel em Manaus não cumprida no prazo, gera rescisão com juros

O Tribunal de Justiça do Amazonas tem mantido decisões que acolhem pedidos de consumidores por rescisão unilateral de contrato...