A Escola de Contas do Tribunal de Contas do Amazonas anuncia a realização de 14 cursos

A Escola de Contas do Tribunal de Contas do Amazonas anuncia a realização de 14 cursos

Os cursos estão sendo ofertados de maneira remota, por meio de plataformas virtuais do Google, por conta da pandemia da Covid-19.

Além da programação tradicional, a ECP está, ainda, dando sequência às aulas e rodas de cidadania do Programa de Formação de Agentes de Controle Social (Profac), que ocorre até o dia 9 de julho.

“Nossa Escola de Contas tem sido motivo de orgulho neste período de pandemia. Desde o início do isolamento, soube se reinventar e adaptar os trabalhos sem perder a qualidade dos cursos oferecidos. Tenho certeza que o retorno da sociedade tem sido satisfatório”, destacou o presidente da Corte de Contas, conselheiro Mario de Mello.

“Buscamos formar uma equipe com técnicos e pedagogos na área da educação, com especializações nos formatos digitais, para, assim, propiciarmos uma educação de excelência mesmo nesse cenário remoto”, destacou a coordenadora-geral da ECP, conselheira Yara Lins dos Santos.

Programação
Nos dias 14 e 15, serão ministradas aulas que tratam sobre a plataforma Google Meet, com orientação aos cursistas sobre como desenvolver trabalhos nessa plataforma.

Já nos dias 16 e 17, o curso oferecido será sobre o Google Forms. No dia 18, serão oferecidos cursos para a plataforma Google Docs e Google Classroom.

Ainda nos dias 16 ,17 e 18, serão ministrados os cursos de “Processo Administrativo Discipinar”, “Termo de Ajustamento de Gestão” e “A LINDB e sua alteração pela Lei 13.655/2018”.

A partir do dia 21 de junho, com datas a serem definidas, serão ofertados cursos que tratam sobre controle interno e transparência; auditoria governamental; contabilidade pública; design thinking para inovação e projeto, e os impactos na saúde de estresses no trabalho.

No dia 24 de junho, será realizado o lançamento do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção, com a cooperação de órgãos do controle externo nacional.

Inovações da ECP

A Escola de Contas anunciou, também, a disponibilização de cursos gravados para os alunos.

Serão 20 cursos disponibilizados, podendo ser cursados a qualquer momento e com direito a certificação pela ECP.

“Buscamos adotar tecnologias avançadas e metodologias ativas para proporcionar um melhor aprendizado dos cursistas, mesmo de uma forma remota. Nossos tutores têm buscado se qualificar cada vez mais, e os resultados já têm aparecidos com diversos feedbacks dos participantes”, afirmou a diretora-geral da ECP, Virna Pereira.

As inscrições para cursos e atividades podem ser feitas por meio do moodle.tce.am.gov.br.

Fonte: TCE

Leia mais

Provado o latrocínio tentado com o testemunho da vítima do assalto, mantém-se condenação em Manaus

Bruno Tafaréu Gonçalves Figueiredo foi condenado ante a 6ª. Vara Criminal de Manaus por haver tentado a subtração de coisa alheia móvel mediante violência...

Confusão de fundamentos jurídicos impedem conhecimento de Reclamação Constitucional pelo TJAM

Em reclamação constitucional proposta por Maria Ocilene Sena Cruz contra a Segunda Turma Recursal do Juizado Especial Cível do Amazonas, a autora indicou descumprimento...

Mais Lidas

Justiça do Amazonas garante o direito de mulher permanecer com o nome de casada após divórcio

O desembargador Flávio Humberto Pascarelli, da 3ª Câmara Cível...

Professora de Manaus ganha direito a indenização por contrato temporário que excede prazo de 2 anos

Nos autos do processo nº 0665343-39.2019.8.04.0001 que tramitou na...

Gratificação de motorista de viatura Militar no Amazonas se aplica ao soldo, decide Tribunal

Nos autos do processo nº 0244691-47.2011, em julgamento de...

Últimas

STJ confirma corte de candidata cotista por comissão formada após homologação do concurso

Por considerar válida a aferição das características dos candidatos em cota racial realizada quatro anos após a publicação do...

Provado o latrocínio tentado com o testemunho da vítima do assalto, mantém-se condenação em Manaus

Bruno Tafaréu Gonçalves Figueiredo foi condenado ante a 6ª. Vara Criminal de Manaus por haver tentado a subtração de...

Confusão de fundamentos jurídicos impedem conhecimento de Reclamação Constitucional pelo TJAM

Em reclamação constitucional proposta por Maria Ocilene Sena Cruz contra a Segunda Turma Recursal do Juizado Especial Cível do...

Município de Coari deve indenizar servidor em R$5.000 reais por não pagamento de remuneração mensal

Em ação movida por Líbio Brasileiro Júnior contra a Prefeitura Municipal de Coari, no Estado do Amazonas, o servidor...