Escola de Contas do TCE-AM realiza semana de formação para aperfeiçoamento da gestão de Saúde

Escola de Contas do TCE-AM realiza semana de formação para aperfeiçoamento da gestão de Saúde

Ao menos 480 lideranças ligadas à Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) vão participar, da próxima segunda-feira (27/9) até sábado (02/10), de uma semana de formação para aperfeiçoamento da gestão de saúde pública no Estado. Realizado pelo Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), com coordenação da Escola de Contas Públicas (ECP), o evento será o primeiro realizado de forma presencial na Corte de Contas amazonense.

“Será uma grande oportunidade para que, por meio do diálogo e da troca de experiências, essas lideranças do setor de saúde pública do Estado possam aperfeiçoar as suas atividades. O evento será realizado em um momento bastante oportuno, já que é em momentos de crises, como a da pandemia em que vivemos, que precisamos potencializar as nossas atividades, como é o caso das realizadas pela Secretaria de Saúde do Amazonas”, destacou o presidente do TCE, conselheiro Mario de Mello.

Devem participar da abertura, entre outros, o titular da SES-AM, Anoar Samad, e o secretário executivo de controladoria da saúde, Silvio Romano Benjamin Júnior.

De acordo com a coordenadora da ECP, conselheira Yara Lins dos Santos, o objetivo do programa é buscar a excelência da gestão da saúde pública no Estado.

“O Tribunal de Contas coloca novamente em prática o seu papel pedagógico, por meio da Escola de Contas Públicas, para fazer esse resgate dos valores da Secretaria de Saúde do Amazonas. Queremos, por meio das atividades dessa semana, construir coletivamente planos de melhorias para fomentar a excelência da gestão pública no setor da saúde pública, imprescindível para a sociedade amazonense”, disse a conselheira.

Também participarão da solenidade de abertura do evento o procurador de contas Ruy Marcelo, o controlador-geral do Amazonas, Otávio de Souza Gomes, a procuradora de justiça do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), Silvana Lima Cabral, além da promotora de Justiça do MP-AM, Cláudia Câmara.

Programação

Em paralelo às palestras que acontecerão no auditório do TCE, também serão realizados workshops na Escola de Contas. Serão cinco oficinas que acontecerão diariamente com limite de 30 participantes por oficina.

Além de focar em ética, integridade e compliance, as palestras e workshops da semana também terão temas como design thinking, gestão por competência e meritocracia, atos administrativos, direitos e deveres do servidor público, ética e moral, além de atividades com ênfase na construção de gestão compartilhada.

Fonte: Asscom TCE-AM

Leia mais

Violência Doméstica: Homem é condenado pelo TJAM por ameaçar atear fogo em casa

Luís Carlos Moreira Maciel foi condenado ante o juízo da Vara Única de Nova Olinda do Norte após ser julgada procedente ação penal promovida...

Cocaína é substância altamente nociva motivo porque agrava condenação em Manaus

Paulo dos Santos Guedes foi condenado nas penas do artigo 33 da Lei 11.343/2006 pelo juízo da Vara Única de Beruri, Munícipio do Amazonas,...

Mais Lidas

Justiça do Amazonas garante o direito de mulher permanecer com o nome de casada após divórcio

O desembargador Flávio Humberto Pascarelli, da 3ª Câmara Cível...

Professora de Manaus ganha direito a indenização por contrato temporário que excede prazo de 2 anos

Nos autos do processo nº 0665343-39.2019.8.04.0001 que tramitou na...

Gratificação de motorista de viatura Militar no Amazonas se aplica ao soldo, decide Tribunal

Nos autos do processo nº 0244691-47.2011, em julgamento de...

Últimas

Violência Doméstica: Homem é condenado pelo TJAM por ameaçar atear fogo em casa

Luís Carlos Moreira Maciel foi condenado ante o juízo da Vara Única de Nova Olinda do Norte após ser...

Cocaína é substância altamente nociva motivo porque agrava condenação em Manaus

Paulo dos Santos Guedes foi condenado nas penas do artigo 33 da Lei 11.343/2006 pelo juízo da Vara Única...

Embargos de Declaração em Acórdão não autoriza o reconhecimento de prescrição, diz TJAM

O Defensor Público Arlindo Gonçalves dos Santos Neto opôs embargos declaratórios contra Acórdão em julgamento de apelação criminal do...

Barroso suspende decisão que mandou Twitter apagar posts de jornalista

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu nesta terça-feira (26) decisão de um juiz de...