José Hamilton diz que processo penal não admite prazo em dobro para Fazenda Pública recorrer

José Hamilton diz que processo penal não admite prazo em dobro para Fazenda Pública recorrer

O Desembargador José Hamilton Saraiva dos Santos ao relatar os autos do processo n°0004415-09.2021.8.04.0000 em julgamento de embargos de declaração no âmbito do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas não conheceu do recurso que foi interposto pelo Estado do Amazonas em desfavor de Adriana Caxeixa Alfaia por reconhecer que os aclaratórios foram interpostos fora do prazo legal. José Hamilton explica que o artigo 183 do Código de Processo Civil não se aplica ao processo penal. Pelo dispositivo os entes administrativos, assim como o Estado do Amazonas, gozarão de prazo em dobro para todas as suas manifestações processuais, cuja contagem terá inicio a partir da intimação pessoal. Para o relator, no âmbito penal, essa contagem ao dobro não prospera, doravante pela posição que o Superior Tribuna de Justiça já tomou sobre a matéria. 

Conforme os ditames do CPP em seu artigo 619 poderão ser opostos embargos de declaração, no prazo de dois dias contados de sua publicação, quando houver na sentença ambiguidade, obscuridade, contradição ou omissão, deduzidos em requerimento de que constem os pontos impugnados. 

Segundo o relator, o recurso interposto pela Procuradoria Geral do Estado não cumpriu o prazo determinado em lei, para embargar a decisão de segundo grau na forma temporal prevista, o que implicou em reconhecer a falta de pressuposto de admissibilidade do recurso, que não foi conhecido. 

“O Estado do Amazonas foi intimado acerca do Acórdão embargado no dia 23 de julho de 2021(sexta-feira), motivo por que a contagem do prazo recursal de 02 (dois) dias iniciou-se no dia útil subsequente, em 26 de julho de 2021 (segunda feira), e terminou em 27 de julho de 2021(terça-feira). Os embargos foram protocolizados no dia 02 de agosto de 2021(segunda-feira), ou seja, após escoado o prazo legal”.

Leia o acórdão

 

Leia mais

TJAM fixa que método bifásico deve ser usado na reparação de dano por morte de preso

Nos autos do processo nº 0698403-66.2020.8.04.0001, a Corte de Justiça do Amazonas concluiu que a morte de preso sob a custódia do Estado importa...

Licença para prêmio não gozado deve ser convertida em pecúnia, diz TJAM

O Tribunal de Justiça do Amazonas tem como pacífico o entendimento de que seja possível a conversão em pecúnia de licença prêmio não gozada...

Mais Lidas

Justiça do Amazonas garante o direito de mulher permanecer com o nome de casada após divórcio

O desembargador Flávio Humberto Pascarelli, da 3ª Câmara Cível...

Diagnóstico unilateral sobre medição de contadores pela Amazonas Energia é vexatório a consumidor

A concessionária de energia elétrica Amazonas Energia não pode...

Homem que ofereceu carona e estuprou adolescente a caminho da escola em Barreirinha-Am é condenado

Nos autos do processo nº0000395-28.2018.8.04.2700, Josinaldo Souza Teixeira recorreu...

Últimas

Ex-prefeito Cezar Schirmer falou pela primeira vez sobre o incêndio na boate kiss no RS

“'Falta mais gente no julgamento'. Faz 8 anos que ouço isso. É uma estratégia de defesa. Essa foi a...

No DF, app de entrega indenizará consumidora por cancelamento unilateral e extravio de encomenda

A 2ª Turma Recursal dos Juizados Especiais do DF manteve a sentença que condenou a Uber do Brasil Tecnologia...

Juiz deve ser flexível com exigência do laudo médico para ação de interdição, diz STJ

A função do laudo médico exigido para ajuizamento da ação de interdição é fornecer indícios da plausibilidade do pedido...

Pleno do TCE-AM julga contas de Arthur Virgílio Neto e outros 98 processos nesta quinta-feira (9)

O Pleno do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) se reúne em sessão especial nesta quinta-feira (9), às 9h,...